Banco de Leite Humano – um ato de amor!

banco

Por: Joyce Trajano


O leite materno é o alimento mais indicado pelo menos até os primeiros seis meses de vida do bebê, por conter todas as vitaminas e proteínas necessárias para o seu bom desenvolvimento.

Entretanto, nem todas as crianças têm a sorte de se alimentar do leite da própria mãe. Por esse motivo foram criados os Bancos de Leite Humano (BLH). O leite arrecadado é enviado aos bebês prematuros, aos de baixo peso, aos órfãos ou para aqueles que apresentam alguma patologia que os impedem de mamar.

A iniciativa é maravilhosa, mas em alguns períodos do ano o estoque de leite não é suficiente para a demanda.

Para doar


Embora alguns bancos só aceitem a doação de leite das mães que tiveram seus filhos no hospital ou maternidade onde o banco está abrigado, todas as mulheres podem fazer sua doação. Especialmente, aquelas que durante o período de amamentação produzem um volume de leite maior do que o filho precisa.

De acordo com a legislação que regulamenta o funcionamento dos Bancos de Leite em nosso país (RDC Nº 171) a doadora, além de apresentar excesso de leite, deve ser saudável e não usar medicamentos que impeçam a doação (leia abaixo como realizar a coleta).

Para realiza-la basta acessar o site da Fiocruz e buscar o Banco de Leite mais próximo de sua residência. Após o cadastro, o BLH solicitará os últimos exames realizados na gestação.

A coleta é feita pela própria mãe e um funcionário do banco passa uma vez por semana para recolher o material. Sempre com dia e horário marcado.  Ao realizar a coleta, é preciso armazenar o leite em recipiente adequado no congelador ou freezer.

Campanha em São Paulo!


A Santa Casa de São Paulo, juntamente com a AES Eletropaulo, criou a campanha “Santa Energia”.

O objetivo da campanha é arrecadar uma verba para a reforma das enfermarias do hospital e, também, para a criação do Banco de Leite Humano da Santa Casa.

O leite ajudará a salvar crianças com alto risco de morte (principalmente, os prematuros) que estejam internadas na área de Neonatologia da Santa Casa. A importância da criação de um banco de leite na Santa Casa de Misericórdia está no fato de que o hospital terá mais facilidade em tratar esses bebês, diminuindo o período de internação e a rotatividade das crianças, além de diminuir a taxa de mortalidade infantil.

As doações são feitas através da sua conta de luz. Para saber mais basta acessar:
www.santacasasp.org.br/santaenergia

Instruções da Fiocruz


Como coletar o leite?


1. Escolha um frasco de vidro com tampa plástica, pode ser de café solúvel ou maionese;
2. Retire o rótulo e o papelão que fica sob a tampa e lave com água e sabão, enxaguando bem;
3. Em seguida coloque em uma panela o vidro e a tampa e cubra com água, deixando ferver por 15 minutos;
4. Escorra a água da panela e coloque o frasco e a tampa para secar de boca para baixo em um pano limpo;
5. Deixe escorrer a água do frasco e da tampa. Não enxugue;
6. Você poderá usar quando estiver seco.

Como se preparar para retirar o leite humano (ordenhar)?


O leite deve ser retirado depois que o bebê mamar ou quando as mamas estiverem muito cheias. Ao retirar o leite é importante que você siga algumas recomendações que fazem parte da garantia de qualidade do leite humano distribuído aos bebês hospitalizados:
1. Escolha um lugar limpo, tranquilo e longe de animais;
2. Prenda e cubra os cabelos com uma touca ou lenço;
3. Evite conversar durante a retirada do leite ou utilize uma máscara ou fralda cobrindo o nariz e a boca;
4. Lave as mãos e antebraços com água e sabão e seque em uma toalha limpa.
 Como retirar o leite humano (ordenhar)?
Comece fazendo massagem suave e circular nas mamas. Massageie as mamas com as polpas dos dedos, começando na aréola (parte escura da mama) e, de forma circular, abrangendo toda a mama.


É ideal que o leite seja retirado de forma manual:

1. Primeiro coloque os dedos polegar e indicador no local onde começa a aréola (parte escura da mama);
2. Firme os dedos e empurre para trás em direção ao corpo;
3. Comprima suavemente um dedo contra o outro, repetindo esse movimento várias vezes até o leite começar a sair;
4. Despreze os primeiros jatos ou gotas e inicie a coleta no frasco.


Se você estiver com dificuldade de retirar seu leite, procure apoio no Banco de Leite Humano mais próximo de você.
Como guardar o leite retirado para doação?

O frasco com o leite retirado deve ser armazenado no congelador ou freezer. Na próxima vez que for retirar o leite, utilize outro recipiente esterilizado e ao terminar acrescente este leite no frasco que está no freezer ou congelador. O leite pode ficar armazenado congelado por até 15 dias.

O leite humano doado, após passar por processo que envolve seleção, classificação e pasteurização, é distribuído com qualidade certificada aos bebês internados em unidades neonatais.
 
Fonte:
www.redeblh.fiocruz.br

Comentários: